Conheça

Translate


Um dos meus poemas

Foto by Dayse.


A Justiça não é Direito
(Dryca Lys)
.

.



Eu fico me perguntando

se é certo o que acredito,

se a Justiça é Direito

mas tudo confunde o que sinto.

E a minha cabeça fica rodando,

porque não quero um mundo perfeito.

Mais uma vez me decepciono.

O que é Direito ? Se nem sempre é justo.

E a Justiça não serve, suponho.

Eu tenho controlar o meu surto.

.

.



Se puder pagar o Direito vai te amparar.

A Justiça não é Direito, o Direito não é justo.

A lei enconbre os podres de quem pode pagar

para a grande maioria Justiça é artigo de luxo.



.

.

Meu Deus ajude me a não surtar

eu tento não ver o que acontece.

As leis apóiam, protegem a bandidagem

eu tento, mas não consigo fazer vista grossa.

A maior mentira: a Justiça é para todos.

A história mostra fatos para me envergonhar

proprina, suborno, os direitos do povo... esquece.

Dinheiro sujo a lei dá brechas para sua lavagem.

Se o povo sofre, morre de fome, quem se importa ?

O melhor custa caro, a "Justiça" é para poucos.



.

.

Se puder pagar o Direito vai te amparar.

A Justiça não é Direito, o Direito não é justo.

A lei encobre os podres de qume pode pagar

para a grande maioria Justiça é artigo de luxo.



Esta tudo bem, Brasil país da mentira,

com dinheiro se compra até o que você acredita.


.

.

---------------------------------------------------------------------------------------------

Direitos reservados a autora desde 2009. Registrado na Biblioteca Nacional.


----------------------------------------------------------------------------------

Poema integrante da obra O Auto da Barca do Sonho, obra literaria nao publicada, autora Dryca Lys.

0 comentários:

Ajude a Somália. Clique Aqui

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí