Conheça

Translate


A Poesia da Vida

Uma imagem de Furnas - RJ - 04/12/2009

Eu fico me perguntando todos os dias: Onde foi toda a poesia que a vida tinha ? Porquê as pessoas andam tão frias ? E os sonhos deixaram de existir ?
São perguntas até bobas, até que inocentes demais diante de toda a mudança social e temporal que anda acontecendo na sociedade. O aquecimento global que nos ameaça, rumores de guerra, fome, pragas, doenças, alta de juros, o estoque mundial de grãos baixo, terrorismo etc.
Mas eu me pergunto onde foi a poesia que tinha a vida. Quando as pessoas se olhavam, quando não tinham medo de conhecer alguém novo. Um bom dia era tão corriqueiro, hoje está virando artigo de luxo. Enfim quando a vida era mais fácil de ser vivida, não havia tanta preocupação, tanto stress, tanto desamor?
Sejamos realistas, a vida sempre foi dura, nada nunca foi fácil. Mas o que anda acontecendo é um fato muito estranho, porém muito constante. As pessoas estão matando a poesia da vida.
Quando deixamos de fazer pequenas coisas, que parecem ser bobas mas tão importantes para a convivência harmoniosa, tornamos o mundo mais frio e matamos a poesia que existe na vida.
Estamos deixando o romantismo de lado, para viver apenas de ficar. Estamos negando a liberdade para vivermos enclausurados em nosso mundinho pré fabricado. Estamos nos negando o direito de descobrir o quanto somos capazes de transformar a vida para algo melhor, para conseguirmos mais destruição e egoísmo.
Mas nunca admitimos a nossa culpa por isso, apenas deixamos de lado o que acreditamos, para conseguirmos um bem material a mais para satisfazer a nossa infinita ganância.
Ensinamos o preconceito como algo normal e que deve ser difundido. Condenamos a crueldade para parecermos mais benevolentes, quando na verdade apoiamos todo ato de selvageria e violência.
Alguém conhece a lei da ação e reação. Tudo que se faz tem uma reação. Toda ação gera uma reação, reação que pode ser imediata ou não.
Eu me pergunto onde nos iremos com toda essa ganância ? Qual será o fim da humanidade ? Ironicamente tudo que hoje mais veneramos será o que nos destruíra.
Sim, nosso culto ao material, ao belo sem limite que chega escravizar milhares de pessoas a bulimia, anorexia e infinitas cirurgias para modificações corporais extremas. O culto exacerbado ao dinheiro, a apologia ao status e discriminação. O eterno embate entre o dominador e o dominado.
Para onde iremos ?

0 comentários:

Ajude a Somália. Clique Aqui

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí