Conheça

Translate


Mulheres Ricas: Débora Rodrigues, a guerreira.

A participante que não mudou muito depois que a riqueza chegou até a sua porta.
Débora Rodrigues enfrentou uma longa caminhada até chegar ao sol.
Foi babá, recepcionista, motorista de ônibus e caminhão de bóia-frias, sem terra, secretária... Até que um dia a estrela dela brilhou.
Ela foi descoberta e se tornou apresentadora de TV.
Foi capa da Playboy, e mostrou suas curvas para o mundo. E como admitiu no programa Mulheres Ricas, ela fez as fotos por dinheiro.
Débora lutou e conquistou seu lugar.
E com isto, a vida foi lhe trazendo muitas coisas boas em seu caminho.
Depois de posar para a Playboy, Débora foi convidada a participar da novela Indomada. Depois comandou o programa Fantasia no SBT. Mas os sonhos de Débora não pararam por ai.
Ela quebrou um mito e se tornou a única mulher a pilotar caminhão na Fórmula Truck.
Mas a sua história na 'boléia' de um caminhão começou aos 12 anos.
Atualmente está trabalhando como repórter no Siga Bem Caminhoneiro. E disputando sempre o circuito Fórmula Truck.
Mulher de fibra, não se desanimou nos momentos mais difíceis de sua vida.
Pelo contrário, batalhou duro por tudo que sempre quis conquistar.
Hoje faz parte do Reality Show Mulheres Ricas, onde ela conta sua história e abre as portas de sua vida para que o Brasil a conheça por inteiro.
Se o passado foi triste, o futuro reserva alegrias. E ela mostra sua força de opinião quando mostra-se como mãe zelosa que não deixa os filhos sem atividades, mulher de negócios que luta pelo que ama no mundo dos caminhões. E mulher verdadeira que busca dar o melhor de si em tudo que faz.
Vamos ver como o Mulheres Ricas vai terminar. Mas as histórias de vida mostradas no programa tem grandes lições para todos que assistem.

4 comentários:

Dani disse...

Exemplo de pessoa que corre atrás do que quer mesmo....

obs: a foto de camiseta e boné vermelho, é ela ou a filha?

Sereia Dri disse...

A Playboy em que Débora Rodrigues posou teve muito boas vendas, em torno de 600 mil exemplares (570 para ser mais precisa). Ela causou alvoroço na época, apesar de o cachê ter sido bem baixo (R$ 20 mil, um dos mais baixos da revista, mais percentual sobre vendas acima de 200 mil revistas, o que acabou compensando), mas convenhamos que foi a revista o que a fez acontecer para o Brasil, uma vitrine que a tornou famosa e a enriqueceu.

Sereia Dri disse...

A foto da camiseta e boné vermelhos (MST) foi a causa de ela ter posado para a playboy, foi essa foto que chamou a atenção dos produtores da revista (viram próximo ao José Rainha uma moça tipuda, bonita e com sex appeal, não deu outra).

Dryca Lys disse...

Mas não se pode negar, a Débora é uma pessoa muito bacana. :)

Ajude a Somália. Clique Aqui

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí