Conheça

Translate


A vida é a melhor professora que existe.

A vida é engraçada. Ela nos ensina nas pequenas coisas, nos ensina com sensações e sentimentos que nunca pensamos em experimentar.
Nunca fiz segredo do meu desejo de terminar a vida como juíza de Direito Trabalhista.
E esse interesse pelo direito trabalhista nasceu com a ajuda do meu mestre Miguel Abou Assali, que é juiz de Direito trabalhista e me incentivou a estagiar no TRT.
Gostei da área, gostei das pessoas que conheci. Gostei da experiencia.
Mas como sou um bichinho livre quis aprender mais e mais.
Andei por vários caminhos, numa estrada que era minha e ninguém mais poderia passar por ela.
Cai várias vezes com força no chão. Mas tive que levantar e prosseguir.
Passei por várias experiências ruins para entender que o juiz tem um ofício difícil, como todos os oficios.
Mas julgar a vida de alguém, decidir sobre um fato de maneira imparcial e buscando a Justiça no caso é algo que realmente modifica o seu pensamento e sua visão com relação a tudo.
Sei que muito dirão, e com razão, mas tem muito juiz que julga contra a lei e contra a justiça. Sim erros acontecem. Mas o que levou a decisão é algo completamente subjetivo.
Na minha estrada a literatura e o amor pela arte se mostram muito fortes em mim.
E eu sei que um dia, que não esta distante, eu vou ser indicada e ganhar o Prêmio Nobel de Literatura.
Não por vaidade, nem porque o reconhecimento é o que busco. Mas tenho o desejo de trazer esta honraria para o meu país. E fazer com que outras pessoas vejam que se elas lutarem pelos seus sonhos e acreditarem no seu potencial.
Elas podem realizar qualquer coisa. Podem materializar qualquer sonho.
O Nobel de Literatura, para mim, é muito mais que uma simples medalha e um simples reconhecimento.
Na minha visão representa o acreditar num sonho que nasceu em 1989, quando eu tinha 11 anos e escrevi meu primeiro poema.
Dali eu sabia a escrita sempre estaria ao meu lado.
No meu caminho entraram muitas pessoas, algumas ficaram e outras se foram.
Amigos falsos, que a vida se encarregou de levar para longe.
E amigos de verdade, irmãos e irmãs de afinidade que a vida trouxe para bem perto.
Sinto gratidão pelas pessoas que passaram pela minha vida. Pois de muitas formas modificaram muitas coisas em mim. E solidificaram muitas outras coisas.
Muitas me ensinaram a prosseguir com fé, muitas me mostraram que eram apenas aparência e tinham problemas com elas mesmas e que descontavam nos outros para se sentirem aliviadas.
Muitas me mostraram o que eu não quero ser na vida. Atitudes que não quero ter e posicionamentos que não concordo e não quero para mim.
Outras me ensinaram o que eu quero ser. Se tornaram exemplos para mim. Exemplos de fé, de perseverança, de alegria. E me ensinaram que se sentir humano não é fraqueza. Me ensinaram o valor da liberdade e principalmente a responsabilidade que a liberdade traz consigo.
Hoje tenho a sensação de borboletas no meu estomago, porque eu sei que eu vou realizar o que tenho que realizar.
E estou feliz por isto...
Sinto imensa gratidão. E existem pessoas que vem a minha mente constantemente. E como eu peço ao Universo que as cubra de felicidade.
Só tenho a agradecer. Só tenho que sorrir por isto.
Se alguma pessoa saiu do meu caminho é porque tinha que ser assim. Sua missão acabou ou então o ensinamento que ela precisava já se concluiu.
Não julgo aparência, pois as aparências enganam muito. Não tenho preconceitos, porque todos tem o direito de ser o que querem ser. Não me iludo com coisas materiais porque hoje você tem e amanhã pode não ter mais.
Procuro conhecer a essência e não a aparência. E isto é o que me faz muito feliz.
Espero que você que esta lendo isto também encontre a felicidade pelo caminho que você esta trilhando.

Dryca Lys

0 comentários:

Ajude a Somália. Clique Aqui

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí