Click e Ajude o projeto cinematográfico Luz e Sombra

Translate


Falsidade: falta de confiança em si mesmo.

Falsidade é um dos males que mais aflige a humanidade. 
Desde que o mundo é mundo, sempre houveram pessoas falsas. E esta cada vez mais crescente o uso da falsidade nas relações humanas.
Porque isto acontece? 
Simples, em alguns casos a falsidade é usada como instrumento de defesa, pois cada vez que sofremos alguma decepção ou somos obrigados a passar com algum sofrimento, buscamos alguma maneira de criar mecanismos de defesa para não sermos mais atacados ou passar por situações que nos constrangem.
Porém, em muitos casos, a falsidade é usada como uma maneira de pessoa ter vantagens que ela não teria se não utilizasse tal artificio.
Mas não se engane. A pessoa que utiliza o instrumento da falsidade sofre muito mais que as pessoas que não utilizam este artificio.
Geralmente a pessoa que é falsa nunca consegue falar o que ela realmente sente. Então ela usa vários artifícios
que enganam as pessoas, mas quando tem a oportunidade de apunhalar você pelas costas, ela te apunhala mesmo.
A pessoa cria várias situações em que você sempre é prejudicado, mas você não consegue perceber que foi a pessoa que te colocou naquela situação. Pois ela é mestre em criar situações ruins e jogar a culpa em pessoas que nada tem haver com a situação.

As pessoas falsas adoram fazer fofoca dos outros. Elas falam mal dos outros para você e fala mal de você para os outros. E elas não tem coragem de dizer o que pensam. E quando você a confronta, ela diz que nunca falou nada de você.
E que quem disse coisas ruins e a enrolou na conversa esta mentindo.
Ela procura sempre um meio de te empurrar no precipício. Ela falseia o que você diz, espalha intrigas sobre você. Nunca fica feliz com o seu sucesso, mas ela quer ver a seu fracasso a todo o custo.
Isto acontece porque há um vazio enorme nestas pessoas, causado por várias decepções e fracassos.
Então elas passam a acreditar que precisam destruir todos que fazem sucesso, sucesso que ela acredita que deveria ser dela.
As pessoas falsas são, extremamente, nocivas. Por vários motivos, questões que estão mal resolvidas dentro delas.
O que se pode fazer é alertá-las e orientá-las, para que procurem a causa raiz da sua angústia e que procurem resolver a questão.
A falsidade é danosa e destrói muitos relacionamentos. E muitas vezes cria feridas nos outros que podem ser irreversíveis.
Por isto é preciso ter cuidado e saber tratar as pessoas, não brincar com os sentimentos dos outros e sempre ser o mais claro possível.
Vivemos num tempo de muita superficialidade e futilidade. Onde as relações humanas estão muito banalizadas. E as pessoas acabam por tomar posições que não são boas nem para elas nem para os outros.
Porque vivemos em sociedade e o viver em sociedade implica em se relacionar com as pessoas. As relações humanas não são fáceis, mas podem ser muito boas dependendo do que você faz.

Eu passei pela experiência de "amigas" falsas:

1) Lembro me que na universidade eu tive uma pessoa que considerei muito minha amiga. E que muitas vezes eu defendia a pessoa quando falavam mal dela. Mas com o tempo fui vendo que ela queria o que queria. Comprava coisas iguais as minhas, invejava os amigos que eu conseguia fazer. E falava mal de mim para todo mundo. Lembro me que ela saiu falando mal de mim para todo mundo, logo depois que meu padrasto morreu. Falava horrores de mim. E para se sair bem disse que eu estava com raiva dela, porque ela estava saindo com um amigo meu e eu estava com ciúmes.
Mas a VERDADE é EU PAREI DE FALAR COM ELA POR CAUSA DAS COISAS RUINS QUE ELA FALAVA DE MIM APÓS A MORTE DO MEU PADRASTO. 

2) Eu sempre adiciono as pessoas que trabalharam comigo e que tenho afinidade e que mantenho amizade. Há pouco tempo, uma pessoa que eu considerava, simplesmente me excluiu e me bloqueou no facebook. E até hoje eu não sei o porque. Mas enfim, eu acredito que ela nunca me considerou nem colega e que me adicionou mesmo só para fazer número. E depois me chutou. E o mais interessante é que esta pessoa me viu sexta feira passada (06.02.2015) E fingiu que não me conhecia. Ai eu vi que ela nunca me considerou mesmo.

3) Uma situação engraçada que aconteceu o ano passado, uma pessoa pediu que eu fizesse umas coisas da faculdade para ela, depois que eu fiz. Ela simplesmente rompeu a "amizade" comigo, dizendo que eu não a ajudei, depois de ter se dado bem com a minha ajuda. 

Eu tenho coleções de situações em que as pessoas foram falsas comigo e eu descobri a falsidade de cada uma e as mentiras que falaram de mim. Mas eu não tenho raiva e nem desejo o mal para essas pessoas. 
Porque eu sei que elas estão infelizes consigo mesmas e que projetam a raiva e decepção delas nos outros, para tentarem se sentir melhores, mas eu sei que isto não funciona.
Eu as perdoei, porém não significa que elas tem minha confiança de volta. Eu as perdoei e as trato como se nunca as tivesse conhecido, porque eu não vou falar mal delas, por eu estaria fazendo algo que não parte do meu caráter.
Infelizmente algumas pessoas são assim. Mas somente quando elas resolverem resolver suas questões internas, elas vão conseguir ser felizes e manter relacionamentos saudáveis com outras pessoas.

2 comentários:

Anônimo disse...

Amei esse post he he , super interessante !, seu blog é mt lindo !
!Como assim :o , voce ainda nao conhece meu blog?
Ta esperando o que ?. Corre la e divulga seu blog no lugar apropriado para vc por seu link !
Bjaoo , e espero que goste he he
http://atraspenteadeira.blogspot.com.br/

Dryca Lys disse...

Obrigada pelo comentário. Assim que puder eu vou conhecer o seu blog.

Conheça

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí

Parceiro