Click e Ajude o projeto cinematográfico Luz e Sombra

Translate


Vai em Paz meu amado Kid Vinil.


Não há palavras para descrever a dor da perda. Mas ao invés de chorar e me lamentar. Quero celebrar o que sua vida foi e o privilégio de tê-lo, mesmo que por pouco tempo, entre nós. Sua vida merece ser celebrada, por toda beleza e arte. Vai em paz amigo. A gente vai se reencontrar novamente, porque não acabou aqui. 

Eterno discípulo da Arte. Aprendiz do Amor e eterno instrumento do Belo. Somos filhos de algo maior, somos filhos da Arte.

Som do coração
(Dryca Lys)


Vivo, apaixonadamente, pela arte.
Toda impaciência desta calma.
Quando a escuridão chegar
e não houver motivos para sorrir.
Deus! Que nunca me falte...
A poesia que colore a alma.
Quando uma lágrima pelo rosto cair.
A arte é o templo em que quero estar.

Ela esta em toda parte.
Deus... Ouça minha oração.
Quando a solidão me rondar.
Tornar-me-ei um grão de areia.
Solta na liberdade da arte.
Para libertar o som do coração.
Nos acordes da paz quero dançar.
Atravessando o tempo como estrela.

Nos momentos de tormento.
A arte é o meu refúgio.
Quando a dor confunde o sentimento.
A arte é o meu refúgio.
Nas notas mágicas desta música.
Encontro o caminho da noite dourada.
Toda realidade do amor numa viagem lúdica.
A elevação do espírito na rosa iluminada.

Quando tudo ao redor desmoronar...
É na arte que vou me reencontrar.

A Era do Dia de Dryca Lys

0 comentários:

Conheça

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí

Parceiro