Translate

Pray For Mexico, Puerto Rico, For The World Peace


A morte e a vida são a mesma coisa. O nascimento é o oposto da morte

A morte não é o fim.
 A vida tenta ensinar para todos nós várias lições que, infelizmente, insistimos em não aprender. Seja por orgulho, vaidade, medo ou por pura displicência mesmo.

Uma das lições que a vida mais nos ensina todos os dias é que a morte não é um fim. Quando morremos neste plano, renascemos em outro e quando morremos em outro plano, renascemos neste.

Parece paranoia ou loucura, mas é uma verdade que você descobre, quando você passa a observar com mais cuidado todas as regras que a vida tem ensinado, de maneira silenciosa e sutil.

Em nosso apego, em nosso egoísmo, em nossa fraqueza, nós não deixamos a vida nos ensinar o que ela realmente quer de nós.

Viemos para este plano, para entender o que é a experiência humana, não somos apenas homens e mulheres tentando viver uma experiencia espiritual, somos a dualidade disto. Somos espíritos que estão vivendo a experiência humana, com uma determinação de tempo para aprendermos muitas coisas, realizarmos muitas coisas e principalmente aperfeiçoarmos o amor e gentileza. E ao mesmo tempo, somos humanos tentando nos reconectar com o divino ao qual conhecemos muito bem, mas que as ilusões deste plano nos separam Dele.

Estamos aqui num ciclo de aprendizagem e troca de experiências. É algo muito maior, é algo que não conseguimos entender.

É algo que vai muito além de rótulos religiosos ou dogmas espirituais. São leis do universo que regem a Vida, a existência como um todo. 

A  morte não deve ser encarada como o fim, muito menos como a inimiga cruel que vem nos machucar, tirando de nós alguém que amamos muito.

"A morte pertence à vida, como pertence o nascimento. O caminhar é tanto levantar o pé como em pousá-lo no chão." Nos ensina o pensador Tagore.

Muitas vezes, para entender muitas coisas, precisamos ter uma alta dose de humildade e uma dose maior ainda de desprendimento.

Nós nos apegamos, nos desejamos com tanta violência que algo ou alguém seja nosso para sempre. Mas não entendemos que para o Universo as barreiras do tempo e do espaço não existem. Nós humanos criamos isto. 

Nos tornamos escravos de nossos desejos, nos tornamos prisioneiros de nossos medos. E o apego nos cega de uma maneira completamente prejudicial. Pois não nos deixa ver que a vida nos envia presentes constantemente e nos capacita ao aprendizado de nossa missão neste plano.

E que um dia regressaremos ao ponto de origem. E que teremos que dar conta dos talentos que nos foram entregues para serem utilizados neste plano.

A morte foi nos deixada, para nos lembrar que temos uma missão a cumprir que há um tempo determinado neste plano à ser cumprido e que um dia nosso tempo terminará e teremos que regressar ao ponto de origem.

Morte e vida são faces da mesma moeda. Que insistimos em dizer que são polaridades completamente diferentes.

"A morte não é o oposto da vida. O oposto da morte é o nascimento. A vida é eterna". Osho

Afinal do que você tem tanto medo? A morte não é um monstro, ela é apenas a outra face da vida, que levará você para a origem.

"Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou;Tempo de matar, e tempo de curar; tempo de derrubar, e tempo de edificar;Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar;Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar;Tempo de buscar, e tempo de perder; tempo de guardar, e tempo de lançar fora;Tempo de rasgar, e tempo de coser; tempo de estar calado, e tempo de falar;Tempo de amar, e tempo de odiar; tempo de guerra, e tempo de paz." Eclesiastes 3:1-8
 Eu não estou aqui para tentar mudar o pensamento nem a vida de ninguém, mas estou aqui para tentar fazer você entender que, sim, existe algo na vida que você não vê e que você não entende, mas que não é porque você não vê e não entende que isto não existe.

Evitaríamos tanta dor e tanto sofrimento, se entendêssemos que o que temos que fazer, devemos fazer aqui e agora, pois chegará um tempo em que nada mais poderá ser feito.

Não haverá mais tempo para pedidos de perdão, não haverá mais tempo para dizer eu te amo, não haverá mais tempo para marcar encontros e sair para rir com a pessoa que se ama...

Chegará o momento em que o tempo se esgotará e apenas restará o arrependimento por não ter feito tantas coisas, ter dito tantas coisas, ter vivido tantas coisas.

"Todos vão para um lugar; todos foram feitos do pó, e todos voltarão ao pó." Eclesiastes 3:20

O que você tiver que fazer, faça o agora. Talvez, assim, você consiga entender o motivo de algumas pessoas te amarem tanto. O motivo de tantas coisas boas entrarem em seu caminho.

Não afaste os presentes que o Universo tem, constantemente, te enviado. E, em muitos casos, o Universo te deu o maior presente de todos. O Amor que te aceita exatamente como você é. Mas, pelo medo e pelo apego a ilusão deste mundo, você pode estar afastando de você a maior dádiva que o Universo te deu. 

E saiba que muitos querem tirar de você o que à você foi destinado. Existem portas nesta vida que somente você vai abrir, existem caminhos nesta vida que somente você poderá andar por eles. Existem amores nesta vida que são destinados à você e a mais ninguém...

Tudo aquilo que a maioria dos homens, lato sensu, não entende ou não pode ser ou possuir... Ele tenta destruir.

Será que você  não tem sucumbido ao canto da morte que o mundo, constantemente, canta para a humanidade.

E este canto da morte é, justamente, para separar os fortes dos fracos. Onde quem é forte resiste até o fim. E quem é fraco, sucumbe as ilusões do mundo, acreditando ilusoriamente em ser vencedor e o melhor de todos. Quando a cada instante é reduzido à nada.

"Vaidade de vaidades, diz o pregador, vaidade de vaidades! Tudo é vaidade.Uma geração vai, e outra geração vem; mas a terra para sempre permanece.Nasce o sol, e o sol se põe, e apressa-se e volta ao seu lugar de onde nasceu.O vento vai para o sul, e faz o seu giro para o norte; continuamente vai girando o vento, e volta fazendo os seus circuitos.Todos os rios vão para o mar, e contudo o mar não se enche; ao lugar para onde os rios vão, para ali tornam eles a correr." Eclesiastes 1: 2, 4-7
Volto a dizer, não estou aqui para catequizar ninguém. Mas estou apenas te mostrando um outro lado da história, que muitos, insistem em dizer que não existe.

Eu aprendi que se algo não existe, porque eu perco meu tempo insistindo em provar que este algo não existe? Não faz sentido, além de ser uma completa perda de tempo e de energia.

A vida é um eterno ciclo de inicio e reinicio
Aprenda a mudar sua perspectiva de vida, para assim conseguir alcançar a sabedoria. Sabedoria não ser o mais inteligente, nem o mais bonito, nem o mais forte, nem dominar os outros.

Sabedoria é a capacidade de conseguir ver muito além da imagem e entender que existem muitas coisas no Universo do que nossa cega e falha visão pode ver.


Mude sua perspectiva em muitas coisa, deixe o apego excessivo. Quando lembrar de alguém que se foi... Não lembre do dia de sua morte, nem das dores que ela enfrentou para fazer a passagem... Não diminua a grandeza daquela vida.

"Diga me como ele morreu. Não... Eu vou lhe contar como ele viveu"  O último Samurai

Lembre-se da grandeza e de como aquela pessoa viveu. Celebre todos os momentos felizes que vocês tiveram, relembre todos os ensinamentos que ela te deu no tempo em que ela permaneceu com você.

Lembre-se, somos energia vital. E a energia nunca morre. Ela apenas volta para a origem.

Espero ter te ajudado e aliviado, de alguma maneira, a sua dor pelas perdas das pessoas que você gosta nesta vida.

Com carinho...

Dryca Lys

0 comentários:

Conheça

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí

Conheça a Cia LF Produções Artísticas