Conheça

Translate


SESC 24 de Maio: Neste local existiu o Teatro Santana.

Antigo Folhetim sobre a inauguração do Teatro Santana na Rua 24 de maio em SP

Nós não costumamos fazer um levantamento histórico de nossa cultura. Pois,  no Brasil, não há um empenho real em construir as bases do futuro com o ensinamento que vem do passado. Um erro grave que nos condena a cometer sempre os mesmos erros.

Mesbla 24 de maio
Este ano, 2017,  foi significativo para a Arte, uma vez que o SESC se empenhou em inaugurar o grande SESC 24 de maio, no local que abrigou a loja de departamento da MESBLA.

A maior e mais amada loja de departamentos do Brasil, depois do Mappin.

Porém ninguém contou que neste local havia um teatro. O Grande Teatro Santana, um local onde se realizavam grandes espetáculos na década de 20.

Inicialmente o Teatro Santana ( Theatro Sant'Anna) estava instalado na Rua Boa Vista no Centro de São Paulo, mas seu prédio foi demolido em torno de 1912 para que fosse construído um viaduto no local.

Theatro Sant'Anna em 1910, sito à Rua Boa Vista

O Teatro Santana foi inaugurado no século 19 e grandes espetáculos foram apresentados nele, se tornando um local bastante apreciado pela classe artística, mas com o advento da construção do Viaduto na Rua Boa Vista, o teatro foi transferido para a Rua 24 de Maio. Onde se tornou o local preferido da classe artística para apresentações, devido a facilidade de acesso ao local,  naquela época. E o centro antigo de São Paulo ser a Broadway Brasileira nos anos 20.

A inauguração do Grande Theatro Sant'Anna aconteceu sob a regência da Companhia Italiana de Opereta Clara Weiss em 25 de abril de 1921, e depois teve seus dias de glória com a apresentação de grandes grupos da época como o de Palmira Bastos, Adelina  Abranches, Amélia Rei Colação, entre outros.

A capacidade do local era de 1.336 pessoas. O Teatro Santana foi fechado definitivamente em 1957. 

Era um prédio pequeno e elegante, com três bares. Sem fins lucrativos, era alugado por seus donos, o Conde Silvio Álvares Penteado e Armando Álvares Penteado, diretamente para as companhias teatrais, sem empresários.

Peças foram vendidas como sucata
Durante o ano de 1957 a classe artística se uniu e protestou com o fechamento do local e lutou arduamente, porém sem sucesso, para a preservação do local.

Porém após uma longa batalha. Em 1958 o prédio do Teatro Santana foi completamente demolido e tudo que nele havia foi vendido como sucata.

Neste ano, 1958, começaram as obras para a construção da loja Mesbla 24 de maio. A cultura foi substituída pelo comercio em lojas de departamento, que era a nova febre que estava sendo importada do exterior.

A loja fez muito sucesso e se manteve por muito tempo no local, porém o costume do consumo brasileiro foi mudando e novas lojas começaram a se espalhar. 

Construindo assim uma grande concorrência com a Mesbla e depois de longos anos vivendo no comércio a Mesbla fechou suas portas em 1999. E o prédio ficou fechado até o SESC adquiri-lo em 2001. Onde começou o planejamento e as projeções para construção do complexo SESC 24 de maio.


Desta maneira é preciso agradecer ao SESC pela iniciativa de revitalização de uma area que abrigou cultura e depois se tornou ponto comercial e agora, novamente, vem trazendo a cultura de volta ao local, horando assim a memória do Theatro Sant'Anna que viveu naquele local de 1921 à 1957.

Fonte das imagens e Pesquisa: Era um Vez em São Paulo - Estadão.

0 comentários:

Ajude a Somália. Clique Aqui

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí