Estreia teatral

Estreia teatral

Logan Paul satiriza a questão do suicídio no Japão

Respeito é o mínimo que se espera
Eu fiquei sabendo deste acontecimento por um amigo meu Youtuber e a dor que me causou foi tamanha...

No Japão sabemos que o suicídio é visto como uma forma aceitável caso você não conviva com a sua dor. É uma questão cultural. Neste ponto eu não posso discutir a questão cultural da nação japonesa.

Porém no Japão há uma floresta que é conhecida como a floresta dos suicidas. floresta de Aokigahara (também conhecida pelo nome “Mar de Árvores”)

E no Youtube estava um video em alta, com mais de 6 milhões de visualizações de um youtuber chamado Logan Paul, um jovem  de 22 anos que esta nos mais quentes do youtube.

Ele foi até o Japão com alguns amigos e eles decidiram ir na Floresta de Aokigahara e foram andando pelo local e encontraram uma pessoa que havia tirado a sua vida.

E ele decidiu fazer um vídeo mostrando a pessoa que havia se suicidado. Porém tirando sarro do evento acontecido, mostrando o corpo sem qualquer pudor. Rindo do que havia ali.

Este local já é conhecido em todo Japão. E muitas pessoas morrem lá pelo suicidio. Não se sabe se o vídeo é falso ou se era real. Mas a coisa mais triste é como é tratado a morte de alguém, que talvez estivesse tão cheia de dor e sofrimento que acreditou que a morte era a saída.

Uma mostra de completa falta de respeito com a família que perdeu alguém amado, é uma completa falta de respeito com a pessoa que tirou a vida e quem mostrou o vídeo não se importou com aquela pessoa, é uma completa falta de respeito com quem assiste. A completa falta de respeito com a questão do ser humano e pela dor que a pessoa estava passando.

E o Youtube ainda coloca o tal vídeo como um dos recomendados para assistir. E quem tirou o vídeo foi o Logan, não foi o youtube.

Depois do mundo chorar com 13 reasons why, depois do mundo ficar perplexo com a morte de Milly Tuomey, depois de tanta perplexidade com a insensibilidade com o ser humano.

Vem um youtuber e nos mostra que ainda sim pode se piorar mais ainda.

Como a gente encara a dor do outro. Que, muitas vezes, esta tão grande. Tão insuportável que a morte se torna a única saída. 

Como se pode rir de uma situação tão triste como esta? Como se pode não ter um pingo de empatia pela pessoa que sofreu e se foi. E como não ter o minimo de respeito com a dor da família que ficou...

Estou perplexa com quão vazia e insensivel as pessoas tem se tornado. E a cada dia a coisa vem piorando mais e mais. 

Mas, também, podemos tirar uma lição desta situação. Precisamos prestar atenção no tipo de conteúdo de entretenimento que estamos consumindo e que tipo pessoas estão influenciando as novas gerações.

Entretenimento é sim para distrair. Porém toda industria do entretenimento entende sim a responsabilidade que tem em influenciar outras pessoas.

Perplexa.

0 comentários:

Conheça

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí