Clique e conheça

Translate


A pressão da vigilância sobre o corpo do outro gera muito sofrimento.

Body Positive Moviment
O body positive é um movimento mundial que estimula as mulheres a se aceitarem como são e se amarem sem restrições.

body positivity ou body positive se tornou mais difundido quando Whitney Thore apareceu no TLC com a série Uma Mulher de Peso.

Whitney Thore
Ela começou a campanha No Body Shame (Não tenha vergonha do corpo), onde ela mostra que todos nós podemos ser felizes como somos.

Esta mocinha se tornou conhecida quando um vídeo dela dançando viralizou nas redes sociais, o que acabou fazendo com que o TLC investisse numa série que fala do Body Positive.

Nos anos 2000 eu me lembro de uma série que passava no SBT que se chamava Popularidade (Popular nome original), que tratava do tema anorexia, bulimia e pressão estética no ambiente escolar dos Estados Unidos. Mostrando a distorção com a visão do corpo e como a sociedade pressiona, desde cedo, as meninas a buscarem o corpo perfeito.



O video da Whitney dançando e que viralizou e acabou abrindo as portas para o TLC.

Demi Lovato
Demi Lovato foi um dos casos mais emblemáticos sobre a questão da pressão na busca do corpo perfeito. 

Sendo uma celebridade reconhecida mundialmente e o tempo todo sendo vigiada pelos fãs, pela indústria, pelas tendencias fashion. A Jovem sofreu muito e nos sensibilizou com todo seu sofrimento com os problemas alimentares, a auto-mutilação e todo sofrimento psicológico que ela foi submetida.

Porém ela se fortaleceu e nos ensinou que podemos dar a volta por cima. Mas precisamos de ajuda de todos ao nosso redor. E que nem sempre as críticas ajudam a melhorar.

Precisamos entender que esta "política" de vigilância do corpo do outro não ajuda em nada. Que a pessoa pode estar passando por diversos problemas e ela precisa de apoio e carinho. E não de criticas destrutivas.

Alexandra Gurgel
Com coragem Alexandra Gurgel, do canal Alexandrismos, resolveu levantar a sua voz e disseminar o Body Positive no Brasil. O que resultou numa maravilhosa rede de pessoas que se envolveram para falar de problemas mais profundos e que passam pela questão da aceitação do próprio corpo.

E realmente tem ajudado muitas pessoas a se compreenderem e se aceitarem. E resultou na linda matéria que foi veiculada pela BBC Brasil abordando a questão da gordofobia e dos transtornos com a pressão sobre o corpo alheio.

Precisamos aprender a ver o outro com mais carinho e muito mais respeito. Ver muito além da imagem e dos esteriótipos.

Raven Simone

Raven Simone também foi um grande simbolo, onde ela desabafou num entrevista na People Magazine sobre a pressão que sofreu para emagrecer,  "queria estar vivendo agora como uma pessoa mais nova. Eu provavelmente não teria tantas questões de saúde mental".

E por ai vai. Em momento algum ninguém esta promovendo uma vida sedentária e de comilança sem fim. Porém é preciso entender que cada um só consegue mudar, quando se sente a vontade para mudar.

E a mudança somente se efetiva e se torna vitalicia quando a pessoa esta segura do que  esta fazendo e realmente quer a mudança para a sua vida.

Mamma June
E nós podemos ver isto também com Mamma June, que emagreceu muito e mostrou isto na série Mamma June: Vida Nova, exibida no TLC.

No final da série vemos que ela enfrentou um problema de transtorno depressivo, pois ela começou a dieta pelos motivos errados. E mostrou o sofrimento que ela passou para perder peso, as diversas cirurgias e toda a pressão estética que ela sofreu.

Porém eu espero que tudo de certo para June, ela é uma ótima mãe e uma pessoa que apenas quer ser feliz. 

Nós temos que tirar a lição de que pessoas são seres humanos e querem carinho, respeito e se sentirem seguras com as pessoas ao seu redor. E quando elas se sentem amadas e acolhidas. Elas mesmas descobrem quem elas realmente são e promovem mudanças reais que iluminam tudo ao redor.




Fonte: Pesquisa e imagens: Internet
Canal Alexandrismos

0 comentários:

Conheça

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí