Estreia teatral

Estreia teatral

Edificio Wilton Paes de Almeida pega fogo e desaba em São Paulo

Um grave problema em São Paulo

Neste 1 maio de maio São Paulo foi surpreendida como uma tragédia anunciada. Um prédio na região entre a São João e a Ipiranga, na frente do prédio que abriga a Galeria do Rock, um prédio pegou fogo e acabou desabando.

E a mídia esta fazendo o maior estardalhaço pelo fato do prédio ser objeto de ocupação de movimentos sociais por moradias.

Eu costumo passar pelo local quando tenho que realizar algum job na região. E há um  problema que acontece na cidade de São Paulo.

Há muitos prédios abandonados que estão sendo ocupados por famílias que não tem onde morar. Justamente por estes imóveis estarem há muito tempo abandonados e nem o poder público, nem os seus donos tomam qualquer providencia para solucionar a questão da disponibilidade dos locais.

E quando ocorre invasão destes locais, as famílias  acabam improvisando a utilização de água e iluminação, justamente para ter o mínimo de condições para permanecerem nos locais.

O poder público sabe destas invasões e nada faz. A gestão anterior estava implementando a revitalização de vários prédios abandonados, e destinando a programas de moradia para pessoas de baixa renda. Com o auxilio do programa minha casa minha vida. Dois prédios na região próxima ao metro Anhangabaú foram revitalizados e muitas famílias conseguiram adquirir suas moradias. E um prédio próximo a Av. Brigadeiro Luiz Antonio também foi revitalizado e colocado a disposição para pessoas de baixa renda, para que os imoveis cumprissem sua função social da propriedade.

Parte da Igreja histórica do Paissandu foi afetada e prédios ao entorno também.
Porém a grande questão é que ainda existem muitos outros prédios no entorno da catedral da Sé, próximo a sede da prefeitura de São Paulo e por todo centro antigo da cidade, que estão abandonadas e ocupados por pessoas que querem moradia. 

Porém o que chama a atenção é a inércia do poder público em mapear estes locais e procurar revitalizá-los e criar programas que facilitem as famílias de baixa renda, adquirirem casas para morar. 

Tragédia anunciada
Também ao lado do terminal Bandeira há um hotel que desativou suas funções e agora esta ocupado por famílias que lutam por uma moradia.

A cidade tem muitos prédios vazios e abandonados, que podem ser destinados a programas sociais que facilitem a moradia. Porém não há interesse em revitalizar estes imoveis, nem destiná-los a quem precisa. Criando um problema muito maior.

Ao invés de procurar culpados. É preciso a implementação de programas reais de revitalização de prédios abandonados em toda a cidade e destiná-los a programas sociais de moradia. E desta maneira se conseguira evitar que tragédias como estas se repitam.

Pois, esta muito claro que o incencio ocorreu por causa do sistema elétrico que não passou por uma atualização. Já que o prédio estava abandonado há muitos, até que este movimento social de luta pela moradia decidiu ocupá-lo.

E pasmem. O tal prédio, Edifício Wilton Paes de Almeida, tinha 24 andares e já abrigou a sede do INSS e da Polícia Federal.

É um caso preocupante e que se espalha por toda cidade de São Paulo.

Imagens: Internet

0 comentários:

Conheça

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí