Estreia teatral

Estreia teatral

Viva um amor real e não a ilusão dos contos de fada

Conto de fadas não é vida real

A vida contemporânea é engraçada. Há anos atrás, minha avó me ensinou que casamento é uma coisa que se torna difícil, pois duas pessoas diferentes se tornam uma família nova. E que se as duas travarem uma guerra entre si, na procura de provar quem é o certo ou quem manda no relacionamento... O fracasso será o destino desta jornada.

Mas que o relacionamento pode ser fácil e feliz quando os dois entendem que eles são amigos dentro deste relacionamento e que juntos trilharão uma jornada desafiadora e engrandecedora, quando os dois estiverem dispostos a ceder em prol da felicidade do casal.

E que as pessoas precisam aprender a se relacionar, onde um vai entender o outro e se o relacionamento estiver quebrando. É preciso descobrir onde começou a falha e consertar. Assim o casal se mantém anos e anos junto. Constroem uma vida.

Todo relacionamento exige cuidado e tempo. É como uma semente que vai germinar, crescer e viver...

Se você não dedica cuidado e tempo, essa sementinha pode nem germinar. 

Mas acontece muito, plantamos uma sementinha de amor, cuidamos dela e damos nosso tempo. Então a sementinha germina, o sentimento começa a crescer. Mas algo muda, o casal muda. E um dos parceiros, ou os dois, deixa de amar o outro, pelo motivo de não mais reconhecer aquela pessoa porque ele se apaixonou. E vem o fim do relacionamento.

Tem muitos que o casamento chega. A família começa a ser construída. Tudo muda. Vem o divórcio e muita dor.

Muitas vezes no começo dos relacionamentos acontece aquela paixão imensa. O desejo, mas com o tempo os sentimentos vão se firmando e aquela lua de mel passa. Mas não significa que o amor acabou, apenas é preciso aprender com o outro e manter tudo de bom que uniu o casal.

Walt Disney criou um universo mágico de princesas que procuram seus príncipes. E criou um universo de fantasia, pois no mundo em que ele viva estava abalado pela dor da guerra mundial e as pessoas precisavam de alegria.

Porém se criou uma ideia romantizada de como os relacionamentos devem ser. E muitas mulheres passaram a buscar aquela estorinha de felizes para sempre como um conto de fadas...

Mas a gente esquece que aquilo é uma estória construída para fazer quem assiste se esquecer um pouco das dores do mundo e sonhar. E ver que o mundo pode ser feliz. Mas não é um mundo cheio de rosas e flores...

Nós mulheres, somos extremamente românticas. Cheias de sonhos de felicidade. Somos mais emocionais. E então criamos um mundo cheio de felicidade e, em muitos casos, nos afastamos da realidade.

Porém na vida contemporânea temos uma enxurrada de informações e uma ditadura de como o relacionamento perfeito tem que ser. E são muitas vozes dizendo como você segura o seu homem. Como você enlouquece a sua mulher. Como ser o pegador. Como ser a pegadora... E muita conversa fiada que se afasta da realidade das pessoas.

Não podemos tornar o que é exterior aos relacionamentos mais importante que o próprio relacionamento. Pois com este tipo de conduta tomaremos um único caminho: A DECEPÇÃO.

Um relacionamento serve para conhecermos o outro. E avaliarmos se queremos nos casar ou não.

Porém há uma pressa em fazer com que as pessoas assumam relacionamentos e exponham para o mundo inteiro as suas vidas. E com este posicionamento muitos relacionamentos vão para o ralo.


O filme Sex and The City nos ensina sobre isto, quando tornamos as festas maiores que o relacionamento. E que o seu parceiro possa querer você e não o que todo mundo diz que você tem que fazer.

Esta cena apesar de muito triste, ensina muito sobre isto. Quando Carrie foi deixada no altar, por ter mudado os planos do casamento. O casamento assustava Big, mas ela queria uma mega festa, muito glamour... E o relacionamento acabou ficando em segundo plano.

Ciumes em excesso, cobranças por romantismo e condutas que vemos nos filmes etc, podem abalar seu relacionamento. Uma vez que o seu parceiro pode não ser o cara mais romântico do mundo, mas ele pode amar você como ninguém e confiar em você a tal ponto que ele não te vigia e não fica te controlando.

Algumas vezes, nós criamos expectativas demais, pois tudo ao nosso redor nos diz como o  nosso relacionamento tem que ser. Mas em nenhum momento perguntam "Você esta feliz com esta pessoa?"

Ninguém diz para você que o relacionamento é seu. E você é quem deve aprender sobre a pessoa ao seu lado. E vocês que constroem as regras do seu relacionamento. E ninguém pode fazer isto por vocês.

Esqueço os famosos conselhos: "Ignore que seu parceiro corre atrás." Ou "nunca esteja disponível para seu parceiro". Ou aquele famoso "Faça esperar, não demonstre sentimentos e nem demonstre que se importa".

 Se você faz isto, com certeza você vai destruir seu relacionamento, pois a pessoa vai se cansar de tudo isto. E você estará enviando a mensagem de que tanto faz a pessoa estar com você ou não estar.

E se a pessoa se sentir insignificante para você. Então ela vai decidir ir embora.

Hoje eu pergunto para você. Você esta feliz com a pessoa com quem você se relaciona? Você se sente seguro com o que vocês tem?

Seu parceiro confia em você? E ele mostra que confia em você, mesmo que em pequenas coisas?

Então não fique criando mil e umas regras sem sentido. Nem fique querendo que a pessoa se torne aquele personagem super romântico que você assistiu em algum filme. Porque os filmes são obras de ficção. E mesmo os que se baseiam em fatos reais, muitas coisas ali são propositalmente feitas daquela maneira para prender a sua atenção.

Se você tem alguém que aceita você pela pessoa que você é. E quando tudo fica difícil. A pessoa continua ao seu lado e atravessa as tempestades da vida com você.

A pessoa não tenta te mudar de alguma maneira. Mas ela fica feliz com as suas conquistas. Ela incentiva você a buscar seus sonhos e quer compartilhar com você a vida. Então você tem muita sorte. Pois encontrou um amor feito para você.

Mas saiba que todo relacionamento é algo que se constrói. O amor é algo muito importante nos relacionamentos, mas a maneira como você se relaciona com a pessoa é que mantém vocês juntos.

Por isto não se prenda as regras que todos ditam sobre relacionamentos. Procure conhecer a pessoa que esta ao seu lado.

Não apresse nada. Deixe que as coisas sigam seu curso. E principalmente seja sempre a pessoa por quem seu parceiro se apaixonou. Pois muitas vezes dentro do relacionamento e principalmente quando ele esta acabando as pessoas se perguntam "onde foi aquela pessoa por quem eu me apaixonei?"


O amor verdadeiro dura eternamente. Ao invés de perder tempo em criar regras e expectativas vazias, aproveite ao máximo o que você tem agora. Deixe o tempo fazer o que tem que fazer.

Pois você pode perder o seu amor. E depois ficar se lamentado por tudo que vocês poderiam ter vivido. Mas perderam tempo fazendo coisas sem importância dentro do relacionamento.

Espero ter ajudado.

Com carinho 

Dryca.

Base: Fotos - Internet

Video: Youtube

0 comentários:

Conheça

 

Programa Radar Paulista 18h

Visitantes do mundo

Rádio Vale do Acaí