Acesse ou ligue CVV

Conheça


Antunes Filho e sua característica intensa de água

Antunes Filho é como a água.
Seria redundante falar sobre a carreira e obra de Antunes Filho, existem autores e pesquisadores que falam dele com mais propriedade que eu. Que sou uma mera aprendiz.

Porém eu o vejo por outro prisma. Que poucas pessoas se atrevem a ver, devido a exigência elevada observação e pensamento critico.

Vejo Antunes Filho como água. Ele é fluido em si próprio, numa busca constante por renovação, mesmo aparentando ser o mesmo o tempo todo.

Ao mesmo tempo que a água é tranquila, transmite paz. Ela também se torna destrutiva, impulsiva. Inquieta.

A perfeita imperfeição pulsante da vida, que procura o tempo todo algo que nunca é acabado, nunca esta definitivamente pronto.

Você percebe esta inquietude, numa face bondosa. Você percebe a fúria da tempestade, na calmaria da brisa de seu olhar. 

Pessoas com esta característica são, extremamente, incompreendidas. Amadas por alguns e odiadas por outros. Nelson Rodrigues tinha esta característica. 

A água alimenta a vida, transforma a natureza, mantém um universo completamente paralelo dentro de si mesma. E ainda guarda mistérios sobre este plano e outros planos que desconhecemos.

A chama eterna que convida a busca incessante por significado

Dentro destas pessoas existe um chamado. Que grita o tempo todo "eu não, ainda não, encontrei o que eu estou procurando". Pessoas com esta característica não tem medo de se tornar experiencia alquímica de si mesmas e caminhar por onde as estradas ainda não tem nome.

Caminhar pela vida é como o curso de um rio, que vai desaguar em algo muito maior. Querem entender o curso, sabem que fazem parte de algo que, inexplicavelmente, é mágico e maior. 

E muitas vezes parecem loucas. E se sentem sozinhas em meio a multidão. Porém não tem medo de caminhar na escuridão, pois dentro da densa noite, conseguem ver muito além da imagem.

O barulho que envolve a vida incomoda, então partem para a busca incessante da mudança. Querem construir, querem transformar, querem fazer parte de algo novo que impacta de maneira positiva o mundo.

Compreendem que existe algo por trás do material. Porém não buscam religião, buscam espiritualidade. Estão em uma vibe completamente diferente dos demais. O silêncio conversa com estas pessoas, um olhar demonstra um universo inteiro.

São uma onda na calmaria. E são calmaria na tempestade. A vida funciona de maneira diferente para pessoas com traços da água... 

Dela vem a compreensão da vida em sua essência. Dela vem a compreensão da força. A característica água nas pessoas mostra que razão deve ser alinhada a emoção. Ensina equilíbrio... Ensina a eterna mutação da evolução.

Sorte de quem entende o que isto significa em sua amplitude, porém se dedica em conhecer sua profundidade.

Basta observar como Antunes Filho caminha em sua obra. A proposta sútil que vem de seu treinamento de Artistas, por Antunes Filho ver a Arte e o Artista completamente integrados.

Não há uma diferença entre o tempo e o espaço "O tempo e o espaço não existem para o ator, ele tem de ser eterno" Antunes Filho em entrevista publicada no site do SESC.

Quem é da Arte consegue entender pessoas como Antunes Filho. E reconhece a inquietude que esta dentro delas. Pois partilha da mesma sensação, da mesma busca. Por outros olhos... Pois cada ser humano é único.

Som do coração
(Dryca Lys)

Vivo, apaixonadamente, pela arte.
Toda impaciência desta calma.
Quando a escuridão chegar
e não houver motivos para sorrir.
Deus! Que nunca me falte...
A poesia que colore a alma.
Quando uma lágrima pelo rosto cair.
A arte é o templo em que quero estar.

Ela esta em toda parte.
Deus... Ouça minha oração.
Quando a solidão me rondar.
Tornar-me-ei um grão de areia.
Solta na liberdade da arte.
Para libertar o som do coração.
Nos acordes da paz quero dançar.
Atravessando o tempo como estrela.

Nos momentos de tormento.
A arte é o meu refúgio.
Quando a dor confunde o sentimento.
A arte é o meu refúgio.
Nas notas mágicas desta música.
Encontro o caminho da noite dourada.
Toda realidade do amor numa viagem lúdica.
A elevação do espírito na rosa iluminada.

Quando tudo ao redor desmoronar...
É na arte que vou me reencontrar.

A Era do Dia de Dryca Lys

Quando se deparar com pessoas que tem esta característica, não tenha medo. Agradeça, pois elas vão ensinar você a ir muito mais longe, do que você mesmo acreditou que poderia ir. Mas não as perca! Pois quando elas se vão, geralmente não voltam mais.

Fonte: Imagens: Internet
Texto: Dryca Lys
Poema integra o Livro a Era do Dia



0 comentários:

 

Visitantes do mundo

Prêmio Quality

Prêmio Quality
Profissional do Ano 2014

Dryca Lys

Rádio Vale do Acaí

Prêmio Excelência e Qualidade

Prêmio Excelência e Qualidade
Melhor do Brasil 2014